Nova União bate Metropolitano e garante vaga nas quartas de final do Santista da série A

A dupla Luquinha e Diogo foi responsável por quatro dos cinco gols do Nova União

O Esporte Clube Nova União derrotou o Metropolitano, da Praia Grande pelo placar de 5 a 3 e garantiu vaga nas quartas de final do Campeonato Santista da série A. O jogo aconteceu na noite desta terça-feira, dia 20 de dezembro, no ginásio CFT Barata/Jabaquara, em Santos.

A partida

O jogo começou muito bom, logo no início o Nova União já chegou com muito perigo após Pedrinho dar um belo passe para Gui pelo lado direito chutar cruzado e obrigar o goleiro André a fazer grande defesa.

Pouco depois, uma saída errada do Metropolitano e a bola caiu nos pés de Matheus Trindade que chutou de fora da área e a bola bateu na trave direita e saiu, um susto para o time do Metrô.

Até que aos 02’56 a bola finalmente entrou para o Nova União e foi com um golaço de Pedrinho, ele estava pelo meio, levou a bola para a direita e mesmo marcado por Eliel e Witinho conseguiu encontrar espaço e chutou forte para fazer 1 a 0.

Após o gol sofrido o Metropolitano passou a frequentar mais o ataque e começava a criar boas chances, até que o empate saiu aos 08’05 com Witinho que roubou a bola de Pitoco já dentro da área e chutou rápido sem chances de defesa para Rafael Mota, 1 a 1.

A partir daí o jogo voltou a ficar equilibrado, o Nova União tinha mais a posse da bola mas não conseguia concluir com precisão e o Metropolitano tentava explorar os contra ataques, seu ponto forte.

Mas quem marcou foi o Nova União, Luquinha deu um ótimo passe para Diogo já dentro da área finalizar com categoria e colocar o time azul e amarelo em vantagem mais uma vez no placar.

Mas nem deu tempo de comemorar muito, alguns segundos depois o Metrô voltou a igualar. Neguin conseguiu um desarme ainda na defesa pelo lado direito, partiu em velocidade e na entrada da área tocou na saída de Rafael Mota para fazer 2 a 2.

O jogo era muito bom, duas equipes que precisavam da vitória para ir à próxima fase, assim quem ganhou foi o público que viu um belo jogo. E um jogo com muitos gols, mais uma vez o Nova União ficou em vantagem. Diogo ganhou uma disputa de bola pelo meio tocou para Nenê e recebeu de volta com o goleiro André já batido para fazer 3 a 2.

E mais uma vez o valente time do Metrô empatou, dessa vez Witinho foi quem serviu Neguin que acertou um belo chute de fora da área, rasteiro no canto direito de Rafael Mota que não teve reação e o jogo foi para o intervalo empatado.

Na segunda etapa, o jogo voltou sem a mesma qualidade nas finalizações, as equipes até tentavam mas os chutes ou saíam sem direção ou eram defendidos com tranquilidade pelos goleiros André e Rafael Mota.

Somente na metade final do segundo tempo é que a partida voltou a esquentar. Neguin enfiou ótima bola para Witinho pela direita chutar cruzado de primeira, a bola caprichosamente saiu tirando tinta da trave esquerda de Rafael Mota.

E como quem não faz toma, o Nova União na primeira boa chance colocou nas redes. Betinho cobrou rápido o lateral pela esquerda para Luquinha na área dominar e chutar para fazer 4 a 3. O lance gerou muita reclamação por arte dos jogadores do Metrô mas o gol foi confirmado.

O Metropolitano teve uma ótima chance em uma cobrança de falta frontal que Neguin soltou a bomba e Rafael Mota com o pé fez a defesa e evitou o que seria o empate do time praia grandense.

Na sequência foi o Nova União quem perdeu a chance de abrir uma boa vantagem. Em uma cobrança de tiro livre direito após o Metropolitano cometer a sexta falta coletiva, Luquinha foi quem bateu e André fez a defesa.

E Neguin teve outra chance em cobrança de falta praticamente do mesmo lugar onde cobrou a alguns minutos atrás e ele bateu da mesma forma, rasteira no canto direito de Mota que também fez a defesa com o pé e novamente evitou o empate.

Já no minuto final, o Metropolitano teve que ir para o tudo ou nada e assim, ao perder uma bola no ataque o goleiro André que estava fora do gol fez uma defesa fora da área e trocou o gol pelo cartão vermelho, ficando excluído da partida.

Diogo é quem foi o encarregado de bater o tiro livre direto e mesmo frio no jogo, o goleiro Giliard entrou e conseguiu fazer a defesa, dando esperanças ao Metrô de chegar ao empate nos segundos finais.

E o empate quase saiu com Vampeta que conseguiu já dentro da área e com espaço finalizar mas o chute não saiu com ele queria e Rafael Mota fez a defesa. Na sequência, um contra ataque rápido do Nova União e Luquinha pelo lado esquerdo chutou na saída de Giliard, no último segundo da partida para fazer 5 a 3 e carimbar a vaga do Nova União na próxima fase. O Metropolitano ainda tem um compromisso contra o Versalles, mas o time já não tem mais chances de classificação.

FICHA TÉCNICA

E.C. NOVA UNIÃO 5 X 3 A.R. METROPOLITANO

Competição: Campeonato Santista Série A
Jogo: 1ª Fase
Categoria: Principal
Data: Quarta-feira, 20 de dezembro
Local: CFT Barata/Jabaquara, em Santos
Arbitragem: Evandro Franco e ‘Sangue’
Gols: NOVA UNIÃO: Luquinha (2), Diogo (2) e Pedrinho; METROPOLITANO: Neguin (2) e Witinho.

E.C. NOVA UNIÃO – Rafael Mota, Diogo, Pedrinho, Betinho, Luquinha, André Piu, Riva, Giovanni, Pitoco, Gui, Biel, Luan Garcia, Nenê e Matheus Trindade.
Técnico: Bruno Gonçalves

A.R. METROPOLITANO – André, Giliard, Neguin, Witinho, Eliel, Uryan, Julielvis, Leonardo, Vampeta, Marcos Roberto e João Pedro.
Técnico: Denilson Spigolon

Esporte Clube Nova União
Associação Recreativa Metropolitano

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.